MENSAGEM DO DIA

Seja um seguidor(a)

Google+ Followers

domingo, 22 de setembro de 2013

As Religiões Dos Famosos - Parte 34

JÔ SOARES
É um humorista, apresentador de televisão, escritor, artista plástico, dramaturgo, diretor teatral, ator e musico brasileiro.Filho do empresário paraibano Orlando Soares e da dona de casa Mercedes Leal, nasceu No Rio de Janeiro, embora diga que também é paraibano por ter antecedentes na família que moravam na Paraíba. Teve uma educação refinada, estudou na Suíça e Estados Unidos, fala com diferentes níveis de fluência, seis idiomas: português, inglês, francês, italiano, espanhol e alemão. Em 1958, trabalhou na TV Rio atuando em shows de comédia, embora também escrevesse roteiros. A partir de 1970 foi para a Rede Globo. Fez sucesso nos anos 80 com o programa de comédias Viva o Gordo, onde o comediante fazia um tipo de comédia entremeada com assuntos do momento, ridicularizando e ironizando os políticos da época.Em 1988, resolve atuar num Talk Show no canal de TV SBT, o Jô Soares Onze e Meia. Em 2000, foi chamado de volta para a Rede Globo, com o mesmo programa que já fazia, mas com o nome diferente: "Programa do Jô". Também atua em outra carreira, o de escritor. Lançou o primeiro livro em 1995, o Xangô de Baker Street, que foi sucesso de vendas, e tornando-se filme em 2000. Publicou mais dois livros: O Homem Que Matou Getúlio Vargas e Assassinato na Academia Brasileira de Letras.Jô Soares é casado e possui uma das maiores coleções de CDs de Jazz do mundo.Atualmente faz muito sucesso com o Programa do Jô, Programa de entrevistas que comanda na Rede Globo. Jô Soares é Católico. É devoto de Santa Rita de Cássia e frequenta a igreja dedicada a ela na cidade de São Paulo.Em um de seus programa disse que era católico por acidente, se explicou que tem algumas coisas que não concorda com a igreja.


MAURÍCIO MATTAR
É um ator e cantor brasileiro de origem libanesa.Tem um filho com a cantora Elba Ramalho,Luã, nascido em 1987.Maurício é sobrinho do pianista Pedro Mattar. Maurício também tentou ser cantor, tendo gravado vários discos e cantado, inclusive, no programa Domingão do Faustão, da Rede Globo. Seu maior hit foi a música Muito Romântico, de 1994. Participou de várias novela entre elas: Roque Santeiro,Cambalacho,Bambolê,O Salvador da Pátria,Rainha da Sucata,Lua Cheia de Amor, Pedra Sobre Pedra, O Mapa da Mina, A Viagem, Louca Paixão, Porto dos Milagres, A Padroeira, Agora Que São Elas, A Lua Me Disse, O Profeta, Malhação, Louca Paixão, Dona Xepa. Também esteve no cinema, alguns de seus trabalhos são: O Cinema Falado,Johnny Love e Kuarup. Maurício Mattar é adepto do Budismo"O budismo me deu maturidade para detectar o que é bom para mim. Quanto mais você se conhece, menos se permite ficar vulnerável. Eu era carnívoro, ia a uma churrascaria e matava feliz uma picanha sangrando malpassada. A partir de julho de 2000, parei de comer carne vermelha. Percebi que carne me deixava mais agressivo, ansioso, agitado. Quando fiz isso me senti mais pacífico e tolerante".



NEGRA LI
É uma atriz, cantora e dançarina.Negra Li começou a se interessar pela música ainda na infância. Nessa época, cantava hinos da igreja evangélica Congregação Cristã no Brasil. Quando adolescente, imitava Whitney Houston, foi a partir desse momento que passou a ouvir mais a black music. Negra Li iniciou sua carreira musical com o grupo de rap RZO, em seguida iniciou parceria com o rapper Helião, e atualmente a cantora está em carreira solo, a qual iniciou-se com o lançamento do CD "Negra Livre".Em 2006, estrelou o filme de Tata Amaral, Antônia, que, no ano seguinte, virou uma seriado homônimo na TV Globo. Em 2009 participou do longa 400 contra 1, a História do Comando Vermelho, do diretor Caco Souza. Negra Li é Evangélica. "Eu sou evangélica desde criancinha". De família evangélica, Negra Li diz que aprendeu a ser vaidosa quando passou a se apresentar em festas e shows. “Minha mãe nunca me passou isso, sempre a vi de saia comprida, blusa cobrindo o braço, nunca teve maquiagem”, lembra. O sonho de Negra LI limitava-se à possibilidade de guardar dinheiro para um dia comprar um carro e uma casa maior para os pais. Nas horas vagas, orava e entoava hinos em uma igreja evangélica para que seu desejo acontecesse.


THIAGUINHO
É cantor,instrumentista e compositor brasileiro. Famoso por participar do reality show Fama e do extinto grupo de pagode Exaltasamba. Em 2002 participou do programa Fama, da Rede Globo. A partir de 2003 integrou o grupo Exaltasamba, ocupando o lugar do cantor Chrigor. Com o grupo gravou oito CDs e quatro DVDs. Em 2009 participou da gravação do CD/DVD “O Baile do Simonal”, realizada no Vivo Rio, no Rio de Janeiro, na qual interpretou a faixa “Na galha do cajueiro” ao lado de Péricles, seu parceiro de grupo. Em 2010 a música "Valeu", de sua autoria em parceria com Rodriguinho, conquistou o Prêmio de Música Digital na categoria "Música Mais Vendida". A partir de 2012 seguiu carreira solo, realizando uma temporada de shows no Credicard Hall, em São Paulo, para a gravação ao vivo do CD/ DVD Ousadia e Alegria, que contou com a participação de artistas como Gilberto Gil, o jogador de futebol Neymar e Ivete Sangalo.Atualmente, Thiaguinho tem um programa chamado "Band Brasil", na Band FM. Thiaguinho é Católico. "Sempre fui, sou católico. Cresci na igreja. Participava do grupo de jovens, do coral. Minha mãe era coordenadora da Pastoral da Música e meu pai, da paróquia. Fiz primeira comunhão, crisma, só falta o matrimônio (risos). Eu até pensei em ser padre em uma época da minha vida, mas mudei de ideia quando fiquei com vontade de cantar pagode".


BIANCA RINALDI
É uma atriz, ex-Paquita, apresentadora e cantora brasileira. Iniciou sua carreira na Rede Globo, trabalhou no SBT e também na Rede Record. Aos 15, ingressou para o meio artístico trabalhando como paquita, a Xiquita Bibi, por cinco anos, entre 1990 e 1995. Depois da renovação do time de assistentes de palco de Xuxa, Bianca decidiu investir na carreira de atriz e fez participações em Malhação e Você Decide. Em 1998, conquistou o papel da vilã Andréa na novela Chiquititas, participando por duas temporadas da trama gravada na Argentina.De volta ao Brasil, a atriz fez participações em programa como o Zorra Total e Xuxa no Mundo da Imaginação. Sua primeira protagonista veio em 2001, na novela Pícara Sonhadora, uma parceria do SBT com a emissora Televisa. No ano seguinte, fez Pequena Travessa, na mesma emissora.A atriz acumula vários papéis de protagonista e a participação em outras novelas e especiais.Em 95, esteve em “Cara & Coroa” e “Explode Coração”; dois anos mais tarde, foi a Úrsula de “Malhação”; em 98, viveu a vilã Andréa de “Chiquititas”; e no ano seguinte, atuou em “Terra Nostra”. A grande virada aconteceu em 2001, quando Bianca viveu Mila, a protagonista de “Pícara Sonhadora”. Depois, encabeçou o elenco de “Pequena Travessa”. Isso sem contar os cinco filmes e quase uma dezena de peças teatrais. Sua grande ascensão profissional foi ter conquistado sucesso no papel-título do remake de A Escrava Isaura, em 2004, trama que impulsionou a teledramaturgia da TV Record, que, até então, engatinhava nas produções. Na emissora, protagonizou ainda as novelas Prova de Amor (2005), Caminhos do Coração(2007), Os Mutantes (2008) e Ribeirão do Tempo (2010). Ela ainda atuou no telefilme O Madeireiro (2011) e participou da minissérie bíblica José do Egito (2013). Bianca Rinaldi é Evangélica.

PATRÍCIA MARX
É uma cantora brasileira, ex-integrante do grupo musical infantil Trem da Alegria, criado em 1984 pelo produtor e compositor Michael Sullivan. Patricia vendeu mais de 2.5 milhões de discos com o Trem da Alegria e mais de 1 milhão em carreira solo.Em 1987 Patricia deixou o Trem da Alegria e iniciou carreira solo (incentivada inclusive pela apresentado Xuxa ), com a música "Festa do amor". Seu disco de estreia: "Paty" chegou a vender mais de 350 mil cópias.1994 trouxe mudança significativas na carreira de Patricia: mudou o nome artístico para Patricia Marx.Ficou quatro anos afastada dos palcos e dos estúdios, período em que se casou, teve filho, virou vegetariana e converteu-se ao budismo.Patrícia Marx é adepta do Budismo. "Depois que eu descobri o budismo minha vida mudou. Eu fui criada em uma família católica, mas a palavra budismo sempre me interessou. Logo que meu filho nasceu, passei a frequentar um centro da tradição kadampa, e descobri que eu sempre fui budista e não sabia! Passei por uma transformação: fiquei sabendo porque as coisas aconteceram da maneira que aconteceram na minha vida, me tornei uma pessoa bem mais compassiva, mais tranquila  tenho muito mais paciência. Não faço música para alimentar o meu ego. Sou bem mais desapegada, não faço música para fazer sucesso".

MILTON GONÇALVES
É um consagrado ator brasileiro. Pai do também ator Maurício Gonçalves.Começou a carreira em São Paulo, por acaso. Em vez de ser o motorista da família para qual sua mãe trabalhou, Milton preferiu tentar a profissão de gráfico e, um dia, depois de assistir à peça A Mão do Macaco, a convite do ator Egídio Écio, saiu maravilhado. Tratou de entrar logo para um clube de teatro amador, do qual passou para um grupo profissional. Chegou a TV Globo quando essa era inaugurada. É ele umas poucas pessoas que está lá, desde o início até hoje. Ganhou bons papéis. Aumentou os horizontes para os interpretes negros. Fez cada vez coisas mais ousadas. Fez: “Véu de Noiva”, “Um Homem que Deve Morrer”, “Selva de Pedra”, “Carga Pesada”, “A Grande Família”, “Baila Comigo”, “Pecado Capital”, “Irmãos Coragem”, “Anjo de Mim”, e muitos outros trabalhos, entre novelas, minisséries e especiais. E não fez só papéis de “escravo” e “empregado”. Fez doutores, fez um médium, e coisas de muito gabarito. E também dirigiu. Desde o Arena estava apto para isso. Grandes novelas aconteceram com a sua batuta, entre elas: “Escrava Isaura” , novela que foi ao ar em quase todo mundo. Sempre respeitado e querido, ganhou muitos prêmios. No cinema, porém, é que foi mais premiado.Com o filme “A Rainha Diaba”, por exemplo, ganhou os quatro principais prêmios que existiam. O prêmio Air-France, inclusive. Fez ao todo, mais de cem filmes, com papéis grandes e pequenos. Participou também de" Macunaíma", e contracenou com muitos artistas estrangeiros, como Jacqueline Bisset, Raul Julia e outros. Fez também "Carandiru", sucesso do cinema nacional em 2003. Em 2006 Milton Gonçalves participou da reedição de:" Sinhá Moça", na Rede Globo de Televisão. Depois, esteve em "A Favorita", de 2008. Entre 2009 e 2010, fez as duas temporadas do seriado "Força Tarefa". Em 2011, a novela "Insensato Coração". E em 2012, outra novela, "Lado a Lado". No cinema, esteve também em vários outros filmes, como por exemplo: "O Que É isso, Companheiro? (1997), "Orfeu" (1999), "Garrincha - Estrela Solitária" (2001), "Acquaria" (2003), "As Filhas do Vento" (2005), "Fica Comigo Essa Noite" (2006), "Segurança Nacional" (2010) e "Quincas Berro D´Água" (2010).Militante do movimento negro, Milton Gonçalves chegou a tentar a carreira política, nos anos 90, ao candidatar-se a governador do estado do Rio de Janeiro, em 1994.Milton Gonçalves é adepto do Candomblé"Sou espiritualista, acredito nos orixás, assim como em Deus. Gosto do candomblé, embora não freqüente muito".


Fonte: Variedades Gospel Veras
Com informações: Revista Quem/IstoÉ Gente/Raça Brasil/Caras Online/Wikipédia/Museu Da TV/Cauin/E-Biografia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS RECENTES