MENSAGEM DO DIA

Seja um seguidor(a)

Google+ Followers

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Estudos Bíblicos - Você é Pastor Ou Ovelha? Assuma Sua Identidade Espiritual!

Vivemos um tempo de crise de identidade espiritual. A relativização dos conceitos tem confundido as coisas na sociedade. Muitas pessoas não conseguem definir seu papel ou até mesmo sua própria personalidade. Por isso existe tanta confusão nas igrejas fazendo que as pessoas não compreendam seu papel no corpo de Cristo.

Jesus contou esta parábola do Bom Pastor, falando de si mesmo e de seu rebanho para orientar os padrões tanto do pastor como da ovelha nas igrejas. Você é pastor ou ovelha?

Vejamos através das palavras de Jesus qual é o papel do pastor e o da ovelha:

PAPEL DO PASTOR:
Jesus é o modelo de pastor que devemos seguir. Embora existam coisas que somente Jesus pode ter feito, como morrer por nós, tudo o que fez é o exemplo que nos orienta para o cuidado de vidas.

O termo pastor significa aquele que cuida de um rebanho. Na idade média os líderes espirituais eram chamados ‘cura d’alma’ ou apelidados de ‘cura’ pelo papel que exerciam ao cuidar de vidas.

As atribuições de um pastor, segundo as palavras de Jesus são:

1) Entra pela porta (João 10.2)
O pastor também é ovelha e deve prestar contas a seu líder. Entrar pela porta significa que para se tornar pastor, passou pelo processo legal oferecido pela igreja, seja este uma eleição, curso teológico, nomeação e principalmente ser consagrado por um superior a ele. Para crescer no ministério não é preciso pular a janela fazendo uma divisão ou sendo rebelde contra seu líder. Procure bater na porta e entrar de maneira digna sem passar por cima de ninguém.

2) Conhecer as ovelhas pelo nome (João 10.3-14)
Para ser pastor é preciso conhecer as ovelhas. Um líder que não sabe o nome de seus companheiros, nunca foi em sua casa e não participa de sua vida, pode ser um gerente e não um pastor. A relação do pastor com a ovelha é como se fosse parte da família. Muitas vezes o pastor fica tão cheio de tarefas administrativas que não consegue ter tempo para estar junto com suas ovelhas.

3) Conduzir as ovelhas (João 10.3)
Como líder espiritual, o pastor é um condutor para suas ovelhas. A imagem aqui é do pastor atrás do rebanho tocando-os para fora do curral. Este é o momento em que o pastor aponta a direção para o povo. Infelizmente existem muitos modelos de igrejas onde uma liderança é que conduz a igreja e o pastor também e conduzido pelas decisões deste grupo. Quem tem autoridade espiritual sobre a igreja para conduzir suas decisões é o pastor. Como homem de Deus, o pastor recebe do Senhor as orientações para o seu povo.

4) Ir adiante das ovelhas (João 10.4)
Em outro momento o pastor passa adiante das ovelhas para que elas possam vê-lo e seguir na direção certa por onde for. Como líder, o pastor é o exemplo a ser seguido na igreja. Se o pastor é um homem de oração, a igreja ora; se a igreja vê o pastor cuidando de vidas, o povo também cuida. A igreja é o espelho de seu pastor e segue seu exemplo. O que o pastor faz vale mais do que suas palavras no púlpito.

5) Dedicar sua vida pelas ovelhas (João 10.11)
A vida de um pastor é dedicada a suas ovelhas. Somente Jesus deu sua vida para nossa salvação e ninguém mais pode fazer isso, mas este é um exemplo de entrega que deve ser seguido pelos líderes espirituais. Por isso Jeremias alerta os pastores que apascentam a si mesmos (Jeremias 23.1-4). Quando se entrega ao ministério, o pastor deixa tudo em prol de ganhar vidas para Deus.

6) Nunca abandonar suas ovelhas (João 10.12-13)
Jesus deixa bem claro a diferença entre um mercenário e um pastor. O mercenário visa seu interesse e quando não consegue o que quer ou quando enfrenta algum risco, então foge abandonando o rebanho. Já o verdadeiro pastor, cuida mais ainda de seu rebanho quando percebe as situações perigosas, chegando a arriscar-se pelas suas ovelhas. É nos momentos mais difíceis da vida das pessoas que o pastor se mostra presente e ganha realmente o respeito do povo.

7) Não fazer distinção de pessoas (João 10.16)
O pastor deve atender toda a comunidade além das que estão na igreja, que são “outras ovelhas, não deste aprisco” e trabalhar pela unidade do povo para que sejam “um rebanho e um pastor”. Para isso o pastor não pode fazer distinção de pessoas dentro ou fora da igreja. Para o pastor, todos são ovelhas ou almas a serem ganhas para o Senhor. Se o pastor se limitar a atender apenas um grupo, perde a oportunidade de conquistar muitas vidas.

Quando o pastor exerce seu ministério seguindo o exemplo de Jesus, mesmo que seja muito difícil, tudo o que fizer é aprovado por Deus. Então Jesus se torna o real e supremo “pastor e bispo de vossas almas” (I Pedro 2.25). Seja um pastor de acordo com o exemplo de Jesus!

PAPEL DA OVELHA:
Quem conhece ovelhas, sabe que é um animal dócil e manso. Além disso, a ovelha se apega ao ser humano confiando nos direcionamentos que dá. Ovelhas são animais que precisam de orientação, pois não sabem se cuidar sozinhas. Também são frágeis diante de predadores e não conseguem se defender, por isso não podem viver sem o cuidado de um pastor.

As atribuições das velhas, de acordo com as palavras de Jesus são:

1) Ouvir a voz do pastor (João 10.3)
A ovelha ouve a voz do seu pastor. Ouvir é mais do que apenas escutar. Ouvir significa compreender. A ovelha vai à igreja para aprender algo e o pastor é o canal de Deus para transmitir esta mensagem. Por isso, a ovelha deve aceitar a voz de seu pastor como veículo Divino para entrega de sua Palavra. Quando o pastor fala a ovelha deve ouvir atentamente.

2) Seguir a orientação do pastor (João 10.4)
As ovelhas devem seguir a orientação do pastor. Existem pessoas que querem mandar no pastor e dizer o que deve fazer. Todos podem dialogar e sugerir ao pastor, ideias do que pode ser feito, mas a orientação do pastor deve ser obedecida. Muitas pessoas só querem ouvir coisas boas do pastor e quando são exortadas, não aceitam. Mas o pastor tem autoridade para corrigir o rebanho com a “vara e o cajado” e isso deve ser considerado como consolo pela ovelha (Salmo 23.4).

3) Reconhecer a voz do pastor (João 10.4)
Dentre todos os ruídos e mugidos do rebanho, a ovelha consegue reconhecer a voz do pastor. A diversidade de igrejas é tão grande que fica difícil estabelecer um padrão. Cada igreja e cada pastor, pensa e fala de uma maneira diferente. Então a ovelha precisa saber discernir a voz de seu pastor para não ficar confusa. Quem fica andando de igreja em igreja e escolhe qual pastor vai ouvir, acaba em confusão e se perde pelo caminho.

4) Não seguir ou ouvir estranhos (João 10.5-8):
A ovelha não atende a orientação de estranhos. Isso é muito importante porque existem muitos “falsos profetas” (Mateus 7.15). Infelizmente muitas igrejas preferem ouvir pregadores de fora, que muitas vezes são pessoas desconhecidas da comunidade. Estes pregadores veem e ensinam o que querem para as ovelhas e depois vão embora, mas quem fica para lutar com seu rebanho e resolver os conflitos é o pastor. A verdadeira ovelha ouve a voz de seu pastor e não de estranhos.

5) Aceitar o alimento oferecido pelo pastor (João 10.9)
A ovelha procura e acha pastagem oferecida pelo pastor. O Salmo 23fala que a ovelha não sente falta de nada, sendo levada a pastos verdejantes e águas tranquilas. Assim como cada pastor procura dar o melhor alimento para seu rebanho, a ovelha também deve aceitar o suprimento dado pelo pastor. Quando a ovelha olha o pasto do vizinho e procura comer longe de seu pastor, logo ela se perde. Muitas ovelhas estão feridas, perdidas ou desnutridas porque não aceitam o alimento oferecido pelo pastor.

6) Conhecer o seu único pastor (João 10.16)
Assim como o pastor deve conhecer suas ovelhas, estas também devem conhecer o seu pastor, para que haja “um rebanho e um pastor”. Mesmo que já tenha vários líderes espirituais, a ovelha deve reconhecer como seu único pastor, aquele que está cuidando de sua vida espiritual. Muitas ovelhas estão seguindo pastores da televisão, que embora seja uma bênção. O seu pastor é aquele que te visita, ministra a ceia, aconselha e nas horas difíceis você liga para ele.

7) Acreditar no pastor (João 10.26)
Jesus disse que os fariseus não eram ovelhas porque não acreditavam nele. O que faz uma pessoa ser ovelha é dar crédito ao que o pastor diz. Ovelha desconfiada não acredita no pastor. Existem pessoas que são tão exigentes que não dão crédito ao seu pastor. A ovelha precisa confiar no pastor para confidenciar sua vida pessoal e ele poder cuidar de suas feridas. Saber que tem alguém cuidando de nós é algo que conforta nossos corações.

No mundo atual, diante da liberdade e individualismo propostos pela sociedade, tornar-se ovelha é um grande desafio. Desde o compartilhar as questões pessoais até aceitar a correção do líder exige um esforço enorme para quem deseja ser ovelha. Se cada ovelha seguir estas orientações, a vida na igreja se torna muito mais fácil. Seja uma ovelha mansa com o seu pastor! Assuma seu papel de ovelha ou pastor!

CONCLUSÃO:
O comércio religioso tem feito de muitos pastores, funcionários executivos de igrejas e alguns acabam sendo seduzidos por interesses financeiros. Além disso, o trânsito religioso tem provocado uma mudança constante de igreja entre as pessoas. Todos estão acostumados com a concorrência do comércio e comprar o que quiser, quando e onde quer. Isto está refletindo no comportamento de muitos crentes. A pessoa vai à igreja que mais lhe agrada e se algo lhe aborrecer, logo procura outra. Quem faz isso deixa de ser ovelha por não se submeter ao cuidado de um só pastor. 

Você sabe qual é o seu papel?Assuma sua identidade espiritual!

Fonte: Esboços De Pregações

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS RECENTES